sábado, 14 de maio de 2011

Como lidar com os preconceitos sobre o jogar Poker


Ontem a meio de um jantar, veio, já não sei a que propósito, o Poker à baila. Mal falei que jogava Poker, uma amiga minha comentou logo que eu devia largar isso já. Que o jogo é algo de muito mau e destrói pessoas saudáveis, mesmo as que são inteligentes.

Uns dias antes, a minha mãe viu a minha foto no Facebook com as duas cartas de Poker na mão e veio ter uma conversa séria e privada comigo. "Felizmente o teu pai ainda não viu isso... e é melhor nem lhe contares..."

O preconceito existe, é forte, está enraizado e ignora-lo não nos traz bem nenhum. Eis então como eu optei por lidar com isso.

Poderia optar por não falar do Poker a ninguém, mas opto pelo contrário. Falo a toda a gente que conheço, sendo adequado, claro. No Facebook, não estou preocupado se tenho ou não amigos que conheci pela vertente profissional e se poderão cometer juízos de valor sobre a minha foto. Tenho a certeza que alguns deles, sendo meus amigos, andam receosos de possíveis consequências negativas. Ainda para mais com os problemas profissionais de ordem financeira que atravesso, associar uma coisa à outra é um passinho. Mesmo assim, assumo os meus prazeres e o Poker faz hoje em dia parte da minha vida.

Donde vem o preconceito então?

Todos os preconceitos surgem do medo. Medo que as pessoas sentem de verem afectada a sua segurança. No caso medo de ruptura financeira. O medo em relação ao Poker vem do conceito popular, de jogo de azar e das histórias virais de pessoas que perderam tudo por vício de frequentar casinos.

Este medo e preconceito, tem por base uma informação muito distorcida e incompleta.

Por isso, quando me apresentam o preconceito, calmamente, explico que limites é que jogo (1/2 cêntimos no meu caso), que faço uma gestão de banca que cobre 25 vezes o valor que entro na mesa, podendo por isso perder perfeitamente algumas vezes sem risco financeiro. Explico o conceito de estudo e ser um jogador vencedor com base nesse estudo. Explico o conceito de skill, usando exemplos com probabilidades, do género, skill é colocar o dinheiro numa situação de 80% vs 20%. Ganho 4 vezes em 5. Uma vez vou perder. Skill é procurar o máximo de vezes com expectativa positiva. Ao longo do tempo, seremos vencedores se fizermos isso um número de vezes superior ao inverso. Claro que se tivermos períodos continuados de "azar", usamos a gestão de banca e baixamos os limites, mantendo assim o risco financeiro completamente controlado.

Nesta altura, as pessoas, apesar dos receios, já ficam mais calmas. Nesta altura já podemos até ir mais longe e explicar que também não há problema em gastar dinheiro no Poker, simplesmente, para nos divertirmos. Qual o problema de gastar 10 euros se ganhamos 2.000 euros por mês? Ou mesmo menos? Se podemos ir ao futebol, ao cinema, etc, qual o problema de o fazer divertindo-nos com um jogo de Poker?

Tipicamente, as pessoas não estão preparadas para darem um passo de gigante, mas com mais informação, o preconceito desaparece, ficando apenas alguns receios que também costumam diminuir ao longo do tempo.

Não evito o preconceito e aproveito as oportunidades para dar muito mais normalidade ao jogar Poker como qualquer outro hobby. Tenho tido resultados sempre bons e acho que posso ir para o céu com estas minhas boas acções em prol da modalidade.

Concluindo: Sou bastante saudável na minha gestão financeira do Poker e algo que à partida parece muito perigoso e péssimo para a altura que atravesso, é, pelo contrário, um excelente hobby divertido e social, que me liberta e distrai dos problemas difíceis do dia a dia. O Poker, é por isso actualmente, uma excelente fonte para recarregar as energias. Não há que ter medo dos preconceitos. Ainda para mais, quando se é um jogador vencedor como eu tenho sido, mesmo que nos limites mais baixos! Mas, tchiu! Não digam a ninguém que jogo a 1/2 cêntimos hehe. Deixem-nos pensar que sou daqueles que ganham aos 100k por mês... É bem mais cool... Bem... menos para os bancos... que a esses até me dava jeito haver limites de meio cêntimo! :P

2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...